DANGER ROOM PROTOCOLS: Marvel solicita, e animação de X-Men feita por fã é CANCELADA!

Share Button
     
Destacada Danger

“X-Men: Danger Room Protocols” (Protocolos da Sala de Perigo), um tributo animado feito por um fã em homenagem aos quadrinhos e a série animada da década de 90, foi cancelada após apenas um episódio lançado, o motivo é uma suposta pressão feita pela Marvel, que é detentora dos direitos legais das animações.

Lançado na semana passada, o projeto foi planejado como uma série de 18 episódios, em cada um deles, dois X-Men estariam em um exercício de treinamento da Sala do Perigo (daí o título). O criador do projeto, Joel Furtado havia descrito Danger Room Protocols como “uma carta de amor a Marvel e minha infância, bem como uma maneira de dar algo de volta para os fãs.”

Furtado comentou sobre o ocorrido dizendo que ficou surpreso com a reação da empresa:

Quando me propus a fazer este projeto, eu nunca realmente pensei que este ia ser um problema. Eu não acho que a Marvel iria reagir desta maneira, e este resultado, para mim, é um pouco chocante.

No vídeo que Joel postou falando sobre o assunto, o animador demonstrou sua perplexidade, visto que a Internet está repleta de arte de fãs, impressões não licenciadas e roupas, ainda assim, a Marvel decidiu acabar apenas com o seu projeto. “Eu nunca pensei que isso iria ser tratado de forma diferente“, disse ele.

No vídeo Joel Furtado pareceu muito chateado, ele comentou o que mais o abalou com a decisão da Marvel.

A coisa que mais me deixou com o coração partido de toda essa experiência, não foi eu ter de jogar todo o meu projeto no lixo, ou perder todo o meu dinheiro fazendo isso. A coisa mais triste é que esta empresa que eu idolatrei toda a minha vida, e eu finalmente estou encontrando-a pela primeira vez profissionalmente, e esta é a experiência em que isso aconteceu, onde agora a Marvel está olhando para mim como se eu fosse um inimigo para eles. E isso nunca foi o que eu quis.

No vídeo publicado por Joel, um usuário com o nome e avatar do produtor e diretor das animações “Pryde of the X-Men” e “X-Men: A Série animada” dos anos 90, Larry Houston, comentou em pessoa dando apoio ao criador de Danger Room Protocols, afirmando o que a parte dos fãs dos mutantes pensa sobre a empresa atualmente :

Como Diretor da animação de TV da década de 90 X-Men: The Animated Series, eu quero aplaudir seus esforços, Joel, e eu respeito a paixão que você colocou em seu trabalho. Infelizmente, a Marvel com quem eu trabalhei, e a Marvel/Disney (M/D) que você teve essa experiencia, não são a mesma empresa, eles são muito litigiosos. Um departamento de relações públicas muito inteligente teria encontrado uma maneira de trabalhar com você para que os seus interesses sejam protegidos e a publicidade gratuita que você gerararia seria um ganho para ambos os lados. Mas M/D realmente quer os direitos sobre os X-Men de volta, e seu trabalho de alta qualidade e publicidade não é o que eles querem que aconteça neste momento. M/D tomou medidas extremas para minar a franquia, reescrevendo sua mitologia dos quadrinhos para substituir a palavra mutante para Inumanos, em um grande jogo de poder contra Fox. Agora você está, oficialmente, sendo parte do dano colateral na batalha corporativa contínua de egos

você pode conferir o vídeo (em inglês) que Joel Furtado fez, explicando a situação e porque o seu projeto foi cancelado aqui:

Muito se fala sobre o suposto boicote que a Marvel/Disney está fazendo nos quadrinhos que a Fox possui direito cinematográfico, visando comprar os direitos vendidos a 20th Century Fox quando a empresa de quadrinhos estava a beira da falência. Algumas pessoas acham que o boicote é real, outras não, contudo, é difícil não tirar conclusões precipitadas, pois procurada pelo Comic Book Resources, a Marvel se recusou a comentar o assunto.

Comentários

  • Gala Driel

    Nossa, sinceramente, isso que a Marvel fez é ridículo

  • Diogo Bernardes

    Nossa fiquei muito chateado com a noticia. eu consegui assistir o episódio 1 e é muito bom, o cara fez um excelente trabalho, e agora desprezado pela marvel. ridículo. não queria que ele parasse com o projeto:(

  • Aline

    Já fizeram isso com fã series até do Justiceiro… É simples, tentar lucrar com propriedade alheia não é valido e sim, tem como se lucrar postando videos online. É diferente, fanzines e fan-fictions, mas fan-filmes e fan-series são sempre canceladas.

    O que podiam fazer é apadrinhar o projeto. Aí seria tudo nos conformes.